Fátima e Torres Novas estão na segunda eliminatória da Taça de Portugal. Os dois clubes, que perderam na primeira ronda, tiveram a sorte de serem repescados no sorteio desta terça-feira e ficam, assim, com mais uma hipótese de levar mais longe este sonho. E ao contrário do que aconteceu neste último domingo, tanto fatimenses como torrejanos jogam em casa, neste caso diante de Oliveirense e Maria da Fonte, respectivamente.

A tarefa é teoricamente mais complicada para a equipa de Nuno Kata, que terá pela frente um emblema da II Liga.

Já o União de Tomar, que até este sorteio era o único embaixador do distrito de Santarém na Taça de Portugal, joga em casa diante do Vilafranquense, do Campeonato de Portugal. A formação nabantina defronta uma das melhores equipas da Série C do CP mas, ainda assim, pode pensar em “fazer Taça”.

Os jogos estão marcados para o dia 30 de Setembro. Passar esta ronda vale 5 mil euros, valor que se junta aos sete mil que cada um dos três conjuntos ribatejanos já conseguiu.

Texto e foto: Rádio Hertz