O CD Fátima sofreu uma derrota pesada, em casa, frente ao SC Praiense por 1-5, numa partida onde a equipa grená se adiantou cedo no marcador, porém deixou-se ‘adormecer’ e acabou por sofrer com a fúria açoriana.

O Fátima entrou melhor na partida e aos 7’, na cobrança de um pontapé de canto, Hamza colocou o esférico no interior da área onde apareceu Siaka Bamba que, de cabeça, inaugurou o marcador.

A equipa do Praiense soube reagir e, aos poucos, conseguiu impor o seu jogo acabando por chegar ao igual do empate perto da meia hora de jogo, quando Stebh colocou a bola na área e Filipe Andrade cabeceou para defesa de Valério, na recarga, Fonseca rematou e o guardião fatimense voltou a defender, porém à terceira tentativa Filipe Andrade conseguiu fazer o golo da igualdade.

A turma açoriana assumiu o controlo da partida e antes do apito para o intervalo poderia ter ficado em vantagem, quando João Peixoto assistiu Filipe Andrade que, de cabeça, levou a bola ao poste.

A segunda parte começou praticamente com o golo da equipa orientada por Francisco Agatão, quando Victor Alves desmarcou Filipe Andrade e este fez o 1-2. Pouco depois, após uma falha defensiva da turma grená, Filipe Andrade voltou a fazer o gosto ao pé e fez o 1-3.

Era evidente o desânimo dos pupilos orientados por Nuno Kata e piorou quando o Praiense aumentou a vantagem, após um pontapé de canto batido para a área onde se encontrava Filipe Andrade que, de cabeça, fez 1-4.

Após o golo sofrido o Fátima ainda tentou dar o ar da sua graça após um bom cruzamento de Tiago Melo para a área, todavia Kevyn cabeceou ao lado. Na resposta Vitinha assistiu Diogo Moniz que, dentro da área, rematou forte para o 1-5.

Até ao apito final a equipa da casa ainda teve nos pés a hipótese de reduzir a desvantagem, através de uma grande penalidade, contudo Kevyn acabou por atirar por cima.

Trio de arbitragem com prestação positiva.

CD Fátima           1
Valério, Tiago Melo, Raphael Almeida, Nuno Laranjeiro, Renan Pinto, André Sousa (C), Siaka Bamba, Hamza Jouini (Dany Marques, 64’), Renan Soares (Miguel Neves, 80’), Caleb (Serge Kevyn, 53’), Jeka.
Não utilizados: Miguel Gonçalves, João Martins, Pio Júnior e João Jesus.
Treinador: Nuno Kata.

SC Praiense       5
Tiago Maia, Diogo Careca, Luciano Serpa, Vitinha, Roberto Cunha, Dina, João Peixoto (C) (Diogo Martins, 82’), Stebh, Diogo Moniz, Fonseca (Cristiano Magina, 74’), Filipe Andrade (Victor Carvalho, 71’).
Não utilizados: Mário Rui e Juan Leite.
Treinador: Francisco Agatão.

Estádio Papa Francisco, Fátima
Árbitro:
Rui Rodrigues (AF Lisboa).
Auxiliares: Daniel Santos e João Cabral.
Espectadores: 100.
Ao intervalo: 1-1.
Golos:
1-0 Siaka Bamba (8’), 1-1 Filipe Andrade (28’), 1-2 Filipe Andrade (46’), 1-3 Filipe Andrade (49’), 1-4 Filipe Andrade (60’), 1-5 Diogo Moniz (78’).
Disciplina:
Amarelo a Renan Pinto (31’), Tiago Maia (70’), Renan Soares (72’), Luciano Serpa (88’).

Texto e foto: Catarina Faria – Diário de Leiria