O Mação foi o clube que mais cresceu pontualmente desde a época 2016/17 até à actual.

A equipa agora treinada por João Vitorino, que lidera a competição, tem mais dez pontos do que em igual período do campeonato anterior, uma margem deveras significativa e que diz muito sobre a sua evidente subida qualitativa.

No pódio dos que mais melhoraram ainda há registo para o Atlético Ouriense, que soma mais sete pontos do que nas onze primeiras jornadas da última temporada, seguindo-se o Cartaxo que apesar de estar longe da meta definida consegue ter mais seis pontos do que no ano passado.

No que a perdas diz respeito, salta à vista o Riachense. Os actuais vice-campeões distritais têm, nesta época, uns magros sete pontos… quando no último campeonato tinham 26 (!), números que lhe valiam mesmo a liderança da competição. Aliás essa performance pontual é igual à do Mação desta época. Também com menos pontos aparece o Amiense: treze actuais contra vinte e dois no passado.

Texto: Rádio Hertz