O União de Tomar venceu, no Domingo, em Samora Correia (0-5), três pontos que lhe permitem subir ao segundo lugar da 1.ª Divisão Distrital da Associação de Futebol de Santarém, ainda a cinco pontos do Mação, líder incontestado.

A formação treinada por Lino Freitas está numa série de seis jogos seguidos sem derrotas, o que lhe valeu igualar o melhor registo da época passada, ficando apenas a um duelo de “empatar” com o percurso de 2015/16, o mais proveitoso dentro dos últimos anos. E aquele que tem sido o “calcanhar de aquiles” do União de Tomar, nomeadamente jogar fora de portas, também está a revelar-se um problema ultrapassado já que há registo para apenas uma derrota em seis duelos realizados… e isto quando já houve lugar a visitas tão complicadas como Mação, Samora Correia e União de Almeirim.

O que não passa despercebido, também, é a veia goleadora dos nabantinos, que já marcaram 28 tentos (quase média de três/jogo), número que os faz, de longe, como o melhor ataque da prova. Basta dizer que nas duas última saídas (Empregados do Comércio e Samora Correia) o União aplicou “chapa cinco”. Depois de uma entrada em falso, eis que o “histórico” do nosso distrito está a posicionar-se para atacar o título.

Texto: Rádio Hertz
Foto: João Pereira Fidalgo