Estão cumpridas as primeiras dez jornadas da 1.ª Divisão Distrital da Associação de Futebol de Santarém. Na frente, nada de novo. Ou seja, o Mação é líder incontestado e a demonstrar isso mesmo estão os sete pontos “à maior” do que o mais directo perseguidor. E por falar em classificação, não deixa de ser curioso que os quatro candidatos à subida – apontados numa análise da Hertz por altura de arranque de época – estejam já nos cinco primeiros postos… com o fantástico Fazendense pelo meio. Ou seja, surpresas são poucas e até mesmo o Ouriense – catalogado nessa mesma perspectiva como “outsider” – já está a tomar posição de acordo com a sua valia.

Quanto aos números globais após a ronda dez, importa, então, referir que Mação e Fazendense continuam invencíveis, sendo que ainda têm pela frente um difícil caminho para, pelo menos, igualar o melhor registo da época passada, então na posse do Riachense, com dezasseis jogos seguidos sem conhecer a derrota. Sim, estamos a falar do mesmo Riachense que, actualmente, é o último classificado, apenas com um triunfo.

Ainda por falar em séries positivas, o Mação é detentor do maior número de jogos seguidos a vencer (seis), seguido pelo Ferreira do Zêzere (cinco). Tirando o líder e o Fazendense – invictos – registo para os melhores percursos sem derrotas ainda em aberto, na posse de União de Almeirim e União de Tomar, que não perdem há cinco jornadas, sendo que os nabantinos, nesta altura, têm o melhor ataque da prova (23 golos). A melhor defesa, essa, está na posse do comandante (apenas seis tentos).

No que diz respeito a outras curiosidades, refira-se que Cartaxo e União Abrantina conseguiram a primeira vitória na respectiva casa, enquanto o Amiense voltou a empatar um jogo, algo que não acontecia desde Fevereiro último ano.

Texto: Rádio Hertz