Ricardo Isabelinha, jogador do CD Amiense, marcou 23 golos no campeonato e é o melhor marcador da 1.ª Divisão Distrital de Juniores da época 2016/2017.

Após dois anos fora do clube de Amiais, ao serviço da Académica de Santarém e NS Rio Maior, o avançado de 17 anos voltou à casa que o lançou no mundo do futebol e, a chegada não poderia ter sido melhor, pois para além de uma excelente época individual onde contabilizou 23 golos no campeonato, seis golos na Taça Ribatejo e um ao serviço nos seniores nos cinco jogos que realizou, consagrou-se campeão distrital.

O ponta-de-lança, em conversa com o Futebol Distrital de Santarém, admitiu que o facto de poder ser o melhor marcador nunca o preocupou. “Não foi algo em que pensei muito. O meu objetivo sempre foi o coletivo e nunca o individual. No entanto, trabalho muito e levo-me sempre ao limite”, contou.

O jovem jogador mostrou-se bastante emocionado com a conquista desta distinção. “É um sentimento de felicidade e de orgulho. É muito bom chegar ao final da época e poder partilhar este prémio com os meus colegas e amigos”, realçou.

Isabelinha, como assim é conhecido, explicou o segredo para alcançar estes números esta época. “O truque é simples. Trabalhar sempre a 100% durante toda a época e tentar sempre superar-me”, disse.

Relativamente à época do Amiense, o avançado, acredita que foi uma temporada fantástica quer a nível coletivo como individual. “O balanço é extremamente positivo. Tanto a nível individual, mas sobretudo coletivo. O troféu de melhor marcador foi um bonito prémio, que sem a ajuda da minha equipa não era possível. Mas, sem dúvida que o título de campeão foi o ponto alto deste ano”, referiu.

Quanto à próxima época Ricardo não se adiantou muito, mas admite que o seu futuro poderá passar por outras paragens. “Por agora, a única coisa que quero é desfrutar desta conquista. O futuro fica para ser decidido mais tarde. Mas sim, já tive algumas abordagens”, concluiu.