Novo clube riomaiorense vai competir já na próxima época, nos distritais de Santarém, com uma equipa de futebol júnior e outra sénior.

Criado no dia 6 de julho último, foi ontem, 29 de julho, apresentado à comunidade riomaiorense o Rio Maior Sport Clube, novo clube de futebol do concelho fundado por Leandro Antunes, Mauro Pulquério, Paulo Vieira, Vitor Alexandre e Eduardo Teixeira.

Perante largas dezenas de pessoas, que encheram o auditório do Centro de Estágios e FormaçãoDesportiva de Rio Maior, os responsáveis pelo Rio Maior Sport Clube deram a conhecer  toda a estrutura organizativa, a sua missão, vocação e objetivos.

Com uma direção composta por elementos bem conhecidos na cidade de Rio Maior, destaque para Leandro Antunes que se assume como o presidente da Direção, e Isaura Morais, que será a presidente da Assembleia Geral. O Departamento de Futebol é composto, na sua grande maioria, por antigos jogadores do União Desportiva de Rio Maior.

Na apresentação, feita por Eduardo Teixeira, deste novo emblema, a sua missão é promover e desenvolver a prática desportiva no concelho de Rio Maior com forte mobilização da comunidade local.

Os órgãos directivos do Rio Maior Sport Clube pretendem ainda que este seja um clube de referência no Distrito de Santarém em número de praticantes, sócios, modalidades desportivas praticadas e em resultados desportivos, sendo o seu lema: “Rigor, Mística, Sentimento e Conquista: Com todos para todos!”.

O Rio Maior Sport Clube irá participar já na próxima época, a iniciar em Setembro, com uma equipa sénior no Campeonato da 2.ª Divisão Distrital de Santarém e com uma equipa de juniores, igualmente na 2.ª Divisão Distrital de Santarém.

Vitor Alexandre, que terá como adjuntos Tiago Pedro e um estagiário da Escola Superior de Desporto de Rio Maior, será o treinador da equipa sénior, enquanto Mauro Miguel e Tiago Silva, com a ajuda de um outro estagiário da ESDRM, serão os técnicos da equipa júnior.

O novo clube riomaiorense irá ter 3 equipamentos onde predominam as cores do concelho (verde, preto e branco), e diversos departamentos como é o caso da gestão organizacional, apoio jurídico, patrocinadores/apoios, comunicação e marketing, gabinete médico, gabinete de apoio psicológico, organização de jogos e rouparia.

Como fonte de receitas, o Rio Maior Sport Clube pretende arrancar como uma campanha de angariação de sócios sendo o objetivo chegar aos 500 associados. As quotas terão o valor mensal de 1 euro. O clube irá ainda tentar arranjar alguns patrocinadores.

Nos dias de jogos, em casa, o emblema riomaiorense para além da bilheteira irá ainda explorar o bar e fazer um sorteio através da venda de rifas.

Programado está ainda a participação, com uma tasquinha, na Feira Nacional da Cebola e nas Tasquinhas, a realização em junho de um torneio de futsal concelhio e a realização, a 6 de julho, do Dia do Clube, com diversas atividades.

Segundo Mauro Pulquério, vice-presidente da Direção, o Rio Maior Sport Clube, irá iniciar a sua atividade desportiva através da prática do futebol, estando previsto num futuro próximo a criação de outras modalidades que não existam no concelho, “aparecemos não para fazer concorrência aos clubes já existem mas sim para enriquecer o panorama desportivo do concelho”, referiu, acrescentando que “o Rio Maior Sport Clube irá em breve atingir outros patamares mas para já arranca na 2.ª divisão distrital com muita ambição, mas sem a obsessão pela subida de divisão”, concluiu.

Texto e foto: Comércio & Notícias