O Conselho de Disciplina da Associação de Futebol de Santarém confirmou o arquivamento do processo no qual eram arguidos o Atlético Ouriense e ainda o director Carlos Santos. Esteve em equação o apuramento de responsabilidades que apontavam no sentido de que o dirigente não poderia ter sido inscrito na ficha do jogo que o Atlético realizou diante do Amiense, a contar para a segunda jornada da Associação de Futebol de Santarém.

Depois de ouvidas as testemunhas, o processo fica arquivado, pelo que está confirmada a vitória do Ouriense (3-0) tal como tinha acontecido no “jogo jogado”.

Fonte: Rádio Hertz