Num campeonato onde Fátima e Cartaxo dominam a seu belo prazer, o União de Rio Maior depois de Vitor Alexandre assumir equipa ganhou uma outra alma e já é terceiro classificado, e não perde desde o jogo com o líder.

Jogo da jornada: Fátima – Empregados no Comércio
A equipa de João Henriques é cada vez mais o principal candidato ao título distrital, tendo apenas no Cartaxo um oponente que, até ao momento, lhe consegue fazer frente e continuar colado na classificação a apenas dois pontos. Depois da goleada em Tomar, nesta jornada os Fatimenses receberam os Empregados no Comércio e ‘cilindraram’ os homens dos Caixeiros por 5-0, reforçando desta forma a sua condição de líder, perante a maioria dos adversários que seguiam nas posições seguintes.

Destaques da jornada:
Mesmo com um Fátima em grande nível, o Cartaxo apesar de uma vitória magra de 1-0 na recepção ao Amiense, mantêm uma perseguição serrada ao líder.

A Abrantina venceu, de forma surpreendente, o União de Tomar por 1-0, e entrega a ‘lanterna vermelha’ ao Amiense. Os Nabantinos voltaram desta forma a desiludir e caem de novo na tabela, para uma posição a segunda metade, e cada vez mais longe dos lugares cimeiros.

O Rio Maior depois e ter estado a perder em casa com o Ouriense, conseguiu a remontada e venceu por 3-1, assumindo um brilhante terceiro lugar, deixando para trás equipas que, à partida, tinham ambições superiores aos Riomaiorenses.

Perante os seus adeptos quem voltou a desiludir foi o Fazendense que não foi além de um empate a um golo frente ao Mação, enquanto que o União de Almeirim venceu o Moçarriense por 5-2 subindo quatro posições na classificação, onde ocupa agora o sétimo lugar.

O Riachense levou a melhor no dérbi torrejano ao conseguir vencer nos riachos por 2-1 frente ao Torres Novas e passou a ocupar o quinto posto, em igualdade pontual com Empregados no Comércio, ficando a apenas um ponto do seu adversário desta tarde.

A jornada numa frase:
Riachense – Torres Novas:
Vitória rubro negra coloca equipa em quinto lugar
Cartaxo – Amiense: Um magro 1-0 que vale o mesmo que um 5-0
U. Almeirim – Moçarriense: Em casa quem manda é o União
Fazendense – Mação: Fazendense volta a desiludir em casa
Fátima – Empregados no Comércio: Fátima só sabe vencer e convencer
Abrantina – U. Tomar: Abrantina vence Tomar e continua a sonhar com manutenção
U. Rio Maior – Ouriense: Riomaiorenses vencem e sobem ao terceiro posto

Outros assuntos que lhe possam interessar:
Melhores marcadores da 1.ª Divisão Distrital
Tabela classificativa da 1.ª Divisão Distrital

Texto: Miguel Mendes
Foto: desportoemabrantes.blogspot.pt