Segundo o Correio da Manhã, cinco jogadores estrangeiros do plantel sénior do GD Coruchense foram levados por inspectores de Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), para interrogatório, por estarem indocumentados em solo nacional.

A deligência foi feito no âmbito de um inquérito  a tráfico de seres humanos, realizado pela Direção Central de Investigação do SEF. Os jogadores levados do Coruchense, que subiu recentemente ao campeonato nacional de seniores, tinham chegado este ano ao clube. A investigação pode entender-se a outros casos suspeitos na zona de Santarém.

Recorde-se que ainda esta semana chegaram mais dois jogadores colombianos.

Fonte: Correio da Manhã