Sidy Thiam, o senegalês que esteve na AD Mação na última temporada por cedência do Alcanenense, prefere continuar na 1.ª Divisão Distrital do que voltar para a equipa treinada por José Torcato.

O avançado, de 25 anos, finalizou, recentemente, o processo de legalização em Portugal pelo que tem caminho aberto à permanência no emblema macaense, ainda que esse acordo esteja dependente do pagamento de despesas relacionadas com a estadia de Sidy no concelho da «Capital do Presunto».

Caso se concretize o acordo entre o Mação e o atleta do Senegal, então o plantel só deverá registar a entrada de mais um jogador. Se assim não for, o treinador Paulo Costa irá centrar atenções noutro avançado.

Recorde-se que, para já, a Associação Desportiva conta com as renovações de João Rosa, Mário Lopes, Gonçalo Lelé, Bernardo Bento, Saúl, João Vítor, Ducho, Esteves, Bruno Pita, Bruno Lemos, Pedro Louro, Rui Sousa, João Freitas e Diogo Rocha, para além das entradas de Jorge, Rodrigo, Leo e Alexandre, todos eles provenientes dos juniores.


Fonte:
Rádio Hertz