Depois de uma época quase perfeita, o U. Almeirim já começou a preparar a nova temporada e, para além de garantir a continuidade de Renato Tereso, o Futebol Distrital de Santarém conseguiu apurar que já adquiriu vários jogadores, assim como já existiram algumas renovações e saídas.

Em conversa, com o treinador de Almeirim, este admitiu que ficou muito satisfeito com o desempenho da equipa na época passada, faltando apenas a conquista do campeonato. “O balanço que faço da temporada é positivo. A atempada planificação da época, consciente das dificuldades que os clubes atravessam, mas bem alicerçada na grandeza histórica e ambição do U. Almeirim, foi determinante para a regularidade demonstrada ao longo da época. Para além disso, é importante ressalvar a forma como o nosso grupo de trabalho soube honrar a octogenária instituição que representa, ao demonstrar, ao longo de toda a época, enorme respeito pelos diferentes intervenientes deste ‘jogo’ que adoramos.
Desportivamente, o trajeto na Taça do Ribatejo ficou aquém das expectativas, mas conquistámos o nosso primeiro objetivo – a promoção à 1.ª divisão distrital, com uma primeira fase sem derrotas e uma fase final em que fomos a primeira equipa a garantir a subida de divisão, no final, ficou o sabor agridoce por não terminarmos no topo da tabela”, frisou, acrescentando que “ficou alguma frustração”.

Como anteriormente referido, Renato Tereso, admite que ficou alguma mágoa por não terem conseguido alcançar o tão ambicionado título, todavia não tira mérito ao campeão distrital. “Fomos construindo essa legítima ambição à medida que íamos ultrapassando as dificuldades que a competição a todos colocou. Considero que o U.Almeirim e a U.Abrantina, pela regularidade revelada, se perfilaram como merecedores deste título. Na reta final o nosso adversário foi mais competente e venceu o campeonato com todo o mérito, estão de parabéns”, disse.

O técnico não esquece todo o apoio prestado no decorrer da época. “Um agradecimento é devido a todos os que, direta ou indiretamente, contribuíram para esta conquista. Em especial à direção que, através da operacionalização do projeto Viver UFCA, devolveu o orgulho de ser U.Almeirim às pessoas desta cidade”, agradeceu.

Em relação à próxima época, o técnico aceitou o convite para continuar e já começou a planear a próxima temporada. “O objetivo principal passa pela consolidação do U.Almeirim na 1.ª Divisão. Adivinha-se o campeonato mais competitivo dos últimos anos, com muitas equipas a lutar pelo título, o nosso foco estará na conquista dos pontos que nos permitam garantir a manutenção. Simultaneamente, vamos procurar melhorar a anterior participação na Taça do Ribatejo”, disse, acrescentando ainda que o U. Almeirim “pretende voltar a afirmar-se como uma referência no panorama distrital”, daí o clube alimentar aspirações “no Troféu da Disciplina e na promoção dos nossos jovens jogadores”.