Como o Futebol Distrital de Santarém adiantou recentemente, Gonçalo Carvalho, após ter conseguido levar a formação da Moçarria até à 1.ª Divisão Distrital, decidiu aceitar um novo desafio e assumiu o comando técnico da UD Santarém.

A UD Santarém, este ano, irá disputar a 2.ª Divisão Distrital, apesar disso, o técnico não se mostra desmotivado, antes pelo contrário, acredita que será um grande desafio e que um dos seus objetivos passar por acordar o ‘gigante adormecido’ e fazer coisas bonitas com o clube. “Nestes dois anos, à frente da equipa sénior do Moçarriense, foram traçados dois objetivos fundamentais: a renovação/ construção do plantel baseado numa nova ideologia, com jogadores jovens e três ou quatro elementos de referência no clube; e a prática de um futebol positivo perspetivando sempre a subida de divisão. Os objetivos foram amplamente alcançados. É certo que a minha decisão em deixar o comando técnico do Moçarriense surgiu no início do apuramento de campeão, mantendo contudo a convicção e motivação para a conquista da subida de divisão. Após essa decisão, surgiu o convite da União Desportiva de Santarém. Reuni-me com as pessoas responsáveis, aceitei o desafio e informei os responsáveis do CCRD Moçarriense, da decisão. O União Desportiva de Santarém é um ‘gigante adormecido’, um clube com um potencial enorme, com um passado riquíssimo atrás, e com sede de sucesso. A minha decisão vem nesta linha de pensamento, ‘acordar um grande’ “, explicou.

O técnico mostra-se muito ambicioso para esta nova época e garante que tudo irá fazer para dignificar o nome do clube. “Os objetivos neste novo projeto passam pela renovação de um plantel, que não está ainda estruturado; pela prática de um futebol agradável que traga as pessoas da cidade ao grande Chã das Padeiras, e (tendo em conta a dimensão e os pergaminhos do clube) pela subida de divisão, sabendo de antemão que o campeonato será complicado e que todos os clubes se organizam com a ambição de chegar o mais longe possível”, afirmou Gonçalo Carvalho.

Em relação à preparação da época 2015/2016, o técnico admitiu que as coisas estão um pouco atrasadas, mas garantiu que entretanto irão haver novidades. “A época começou a ser preparada um pouco tardiamente, fruto do meu envolvimento na fase de apuramento de campeão pelo Moçarriense. Mas de momento já estamos a ‘alinhavar’ o plantel da próxima época, mantendo-se dez a doze jogadores do atual plantel, existindo a necessidade de reforçarmos praticamente todos os setores da equipa. De momento não posso adiantar as confirmações solicitadas, mas em breve tal acontecerá”, concluiu.

Texto: Catarina Faria